Blog-se!

xmas_wordpress_ex2 copy

Esse post é dedicado a todos os estudantes de jornalismo que não entendem o verdadeiro propósito do blog, na visão mercadológica do jornalismo.

A saber, o blog é uma das ferramentas da web que revolucionou os meios de comunicação, permitindo que diversas pessoas tenham voz para o mundo.

Enquanto as revistas, jornais, televisão, rádio, entre outros meios apenas emitiam informações, o receptor ficava ali, escutando e murmurando consigo mesmo as falcatruas e maracutaias realizadas nos meios estatais, limitado a fazer uma ligação ao veículo, pedindo por um impeachment. Com o blog, essa “prisão” da voz do povo se esvaiu. Agora todos podem emitir suas opiniões e fazerem suas críticas, e muito mais.

Atualmente o blog vem sendo usado de diversas maneiras, seja por uma empresa, para apresentar seus produtos ou conversar com seus consumidores, ou por um profissional, ou estudante, que queira fazer seu marketing, apresentando seu profissionalismo e suas competências.

O blog, mais do que uma ferramenta livre da web, é um instrumento de suma importância para comunicar informações valiosas. O que o usuário considera uma informação de valor? Bem, isso cabe a cada um fazer uso da forma mais inteligente e criativa possível do blog.

Para todos meus páreas de profissão e academia, encorajo a começar um blog e investir tempo nele. Investir dinheiro em um negócio cujo retorno é incerto, é difícil, mas investir tempo em algo altamente gratuito, e simples, cuja ferramenta você pode usar como um expositor de sua criatividade e profissionalismo, serei sincero, é um grande investimento.

Já ouvi muitas respostas como “não gosto”, “não tenho tempo” etc, mas o estudante que faz jornalismo por paixão, esse sim conseguirá tempo para postar, nem que seja uma foto interessante ou um artigo de algum renomado escritor, jornalista, entre outros (logicamente com os créditos do próprio autor). Assim, o blog nunca ficará desatualizado. Mas não é bom tornar isso um hábito. Crie seus próprios artigos. Fazer críticas pertinentes e oferecer ao leitor informações que acrescentem, em muitos casos são elogiados por eles.

Por isso, batendo na mesma tecla, seja criativo. Tente sentir o mercado da comunicação. Leia muitos livros, muita notícia; assista a noticiários e não fique somente andando no “caminho das índias”; busque assistir bons filmes que tragam conhecimento. Extraia o máximo de informação e conhecimento de tudo o que você ler, assistir, ver, escutar, tudo isso poderá ser ponto de partida para inserir um bom artigo no blog.

A ferramenta do jornalista é a leitura e a escrita. Mais a escrita. Se este “profissional” se diz o tal, mas tem uma porcaria de texto, sinto muito, “no donut for you” (sem chance). Mas, se os textos são bons, compreensíveis, coerentes, não haverá críticas técnicas, mas críticas relacionadas ao assunto. O que no caso de uma péssima escrita, o leitor vai bater o olho -, assim como eu faço, – e vai procurar ler algo em português.

Estudantes de jornalismo, Fiquem de olho. Essa é a hora de investir.

O blog é o princípio do seu ofício.

Márcio Ikuno

http://www.mybloggerpress.wordpress.com


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: