BBC divulga princípios jornalísticos que regem a sua equipe

bbc-logo

Redação Portal IMPRENSA

Nesta quinta-feira (30), a emissora estatal britânica BBC divulgou para o público em geral os princípios que regem a sua produção jornalística. De acordo com a empresa, as regras mostram quais são as principais preocupações de sua equipe no dia-a-dia.

Apesar de hoje existirem plataformas diferentes das que eram vigentes em 1938 – quando foi criado o Serviço Brasileiro da BBC e instituídos os príncipios da emissora – as regras continuam as mesmas. A BBC preza nos textos de sua equipe objetividade, seja na Internet, no rádio ou em vídeo.

“A objetividade pode ser buscada de várias formas, mas especialmente com a descrição pura e simples dos fatos, evitando-se ao máximo o uso de adjetivos, seja em textos curtos dos boletins de rádio como em reportagens mais longas na internet. A linguagem utilizada pela BBC Brasil precisa ser correta, precisa e de fácil compreensão, para que a informação seja passada de forma objetiva, sem influenciar o posicionamento do leitor/ouvinte/telespectador”, diz o manual da empresa.

Para textos na Internet, a BBC pede que seja claramente explicitada a ideia nos dois primeiros parágrafos, “seguindo a tradição jornalística da “pirâmide invertida”. Além disso, as frases e parágrafos devem ser curtos, não contendo mais que duas sentenças, para assimilação rápida.

Na rádio – cuja programação da BBC é transmitida pelas redes CBN e Globo – os boletins devem ter durações de dois minutos,  podendo conter de três a quatro notícias. “Isso exige um claro poder de condensação do jornalista, que precisa se utilizar de frases curtas, diretas e abrir mão de detalhes não essenciais para a compreensão do fato (…) O princípio de equilíbrio e imparcialidade deve ser seguido à risca mesmo em curtas notícias no rádio. Para isso, o jornalista precisa evitar adjetivos e garantir que qualquer posição polêmica venha acompanhada do ponto de vista oposto”, explicou a BBC.

As regras de imparcialidade, objetividade e simplificação também valem para os textos que acompanham os vídeos da BBC Brasil. A única diferença é a presença de imagens, que devem ajudar o jornalista que escreve o seu texto e não o contrário. “Para isso, o autor deve evitar palavras e descrições redundantes, que repitam o que está sendo mostrado pelas cenas do vídeo”.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: